Historicamente, Belém é a principal via de entrada da Amazônia brasileira devido à sua privilegiada posição geográfica, no delta do rio Amazonas, distando poucos quilômetros do oceano Atlântico. Sua localização, no extremo norte da malha rodoviária brasileira, conta com grandes rodovias como a BR-316 (Belém/ Nordeste/Sudeste/Sul), BR-010 (Belém/Centro-Oeste/Brasília) e PA-150 (Sul do Pará/Centro-Oeste/Mato Grosso), tornando Belém do Pará facilmente acessível pelas vias terrestres. Suas malhas, aérea, fluvial e marítima, facilitam ainda mais o acesso para toda a Região Norte. Destaque-se o moderno Aeroporto Internacional de Belém (Val de Cans) que dispõe de voos para todo o País e o exterior.

Em seus mais de quatrocentos anos de história, após ser fundada por portugueses no ano de 1616, Belém do Pará vivenciou momentos de plenitude como o período áureo da borracha (Belle Époque) no início do século XX, quando a Região recebeu inúmeras famílias européias, o que veio a influenciar grandemente a arquitetura de suas edificações, tornando-se conhecida como a Paris n’América. Hoje, mesmo cosmopolita e moderna em vários aspectos, Belém do Pará não perdeu o ar tradicional das fachadas dos palácios, casarões e das suas inúmeras igrejas e capelas edificados no período colonial. É a maior metrópole do mundo situada na Linha do Equador, e a cidade com o maior IDH dentre as capitais da Região Norte.

Saiba mais: http://www.belemcvb.com.br

 

 

Free WordPress Themes, Free Android Games